Dia da Consciência Negra

Consta na história que em 20 de novembro de 1695 foi morto o grande líder do Quilombo dos Palmares, Zumbi dos Palmares. Por esse motivo, o dia 20 de novembro é considerado como o Dia da Consciência Negra, já que representa a histórica luta e resistência das negras e negros no nosso país. Essa data também serve para refletirmos sobre a inserção da população negra na sociedade brasileira.

As populações que vieram da África, trouxeram para o Brasil partes de uma cultura ancestral, ajudando a compor uma nação mestiça, e diversa, como a Brasileira, tanto em aspectos religiosos, culinários, linguísticos, e outros.

Apesar de muitas conquistas, como as políticas de cotas, lei de preconceito de raça ou cor, a obrigatoriedade do ensino de História e Cultura Afro-brasileira na educação básica, ainda há muito o que avançarmos na reparação aos danos sofridos pela população negra na história do Brasil.

No Brasil, cerca de 1000 cidades tem o Dia da Consciência Negra como Feriado municipal (Se desejar, veja em quais cidades é Feriado da Consciência Negra). Alguns estados (Alagoas, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Rio de Janeiro e Roraima), que através de Decretos estaduais,  também gozam de feriado nesta data.